Identificando a sua pergunta de pesquisa

Tomar decisões informadas sobre o que estudar e definir a sua pergunta  de pesquisa, mesmo dentro de um campo predeterminado, é fundamental para uma carreira acadêmica bem-sucedida, e pode ser um dos desafios mais difíceis para um cientista.

Estar bem informado sobre o estado do seu campo e atualizado a respeito dos desenvolvimentos recentes pode ajudá-lo a:

  • Tomar decisões sobre o que estudar dentro de um  nicho de pesquisa;
  • Identificar os melhores pesquisadores no seu campo cujo trabalho você pode seguir, e com quem você pode potencialmente colaborar;
  • Encontrar periódicos importantes para ler regularmente e nos quais você pode publicar;
  • Explicar aos outros por que o seu trabalho é importante, sendo capaz de explicar o panorama geral.

Como você pode identificar uma pergunta de pesquisa?

Ler regularmente é a maneira mais comum de identificar uma boa pergunta de pesquisa. Isso permite que você se mantenha atualizado sobre os mais recentes avanços, e identifique certas questões ou problemas não resolvidos que continuam aparecendo.

Comece procurando e lendo literatura no seu campo. Comece com periódicos de interesse geral, mas não se limite a publicações em periódicos; você também pode procurar dicas no noticiário ou em blogs de pesquisa. Depois que tiver identificado alguns  temas interessantes, você deve ler o índice dos periódicos e os resumos da maioria dos artigos naquela área de estudo. Você deve ler inteiramente os artigos que estejam diretamente relacionados à sua pesquisa.

DICA: Fique de olho em artigos de revisão e em edições especiais na área de estudo que você escolheu, já que são muito úteis para descobrir novas áreas etemas relevantes.

DICA: Você pode se cadastrar na maioria dos sites de periódicos ou de editoras para receber sumários das novas edições de cada periódico ou notificações quando forem publicados artigos no seu campo de pesquisa. 

DICA: Fazer parte do clube de um periódico é uma excelente maneira de ler e dissecar artigos publicados dentro e em torno da sua área de estudo. Esses clubes geralmente são formados por 5 a 10 pessoas do mesmo grupo de pesquisa ou instituto e se reúnem para avaliar os pontos positivos e negativos da pesquisa apresentada no artigo. Isso te ajuda não só ase manter atualizado com o campo, mas a se familiarizar com o que é necessário para produzir um bom artigo, o que pode ajudá-lo quando você vier a escrever o seu próprio artigo.  

Se possível, comunique-se com alguns dos autores desses artigos por e-mail ou pessoalmente. Ir a conferências, se possível, é uma ótima maneira de encontrar alguns desses autores. Frequentemente, falar com o autor de um importante trabalho em sua área de estudo lhe dará mais ideias do que apenas ler o artigo.