Taxas de Processamento de Artigos (APCs – Article Processing Charges)

Publicar implica custos. Os periódicos  de assinatura recuperam os custos de publicação cobrando uma taxa para acessar o conteúdo. Uma vez que o conteúdo de Acesso Aberto Dourado está disponível sem restrições, os custos são pagos por meio das taxas de processamento de artigos, também conhecida pela sigla em inglês APCs (Article Processing Charges).

APCs são cobradas após a aceitação do artigo, antes da publicação, e variam de acordo com a editora, o periódico e a disciplina. Também existem periódicos cujos custos de processamento e publicação são cobertos por outras fontes, por exemplo, um patrocinador como uma sociedade, e por isso não cobram uma APC.

O que uma APC cobre?

Além do acesso permanente, imediato e mundial ao texto completo do artigo, a APC cobre: 

  • Trabalho editorial: revisão por pares, apoio administrativo, comissionamento de conteúdo, desenvolvimento do periódico.

  • Infraestrutura técnica e inovação: desenvolvimento, manutenção e operação do sistema online do periódico e websites.

  • Produção de artigos: formatação e marcação de artigos e inclusão em serviços de indexação

  • Marketing da revista e do conteúdo: iniciativas para garantir  que leitores e autores conheçam o trabalho publicado no periódico

  • Atendimento ao cliente: resposta a autores e leitores

Quem é responsável pelo pagamento da APC?

Embora os autores sejam responsáveis ​​por realizar ou providenciar  o pagamento da APC, na maioria dos casos eles podem contar com apoio financeiro de suas instituições e financiadores. Esses organismos podem cobrir as APCs de várias maneiras, como, por exemplo, através da criação de um fundo de AA, tornando-o parte do seu financiamento geral ou pagando as taxas como parte de um modelo de afiliação.